Conheça as principais obras de Gaudí em Barcelona

Apresentação dos principais pontos turísticos de Gaudí em Barcelona

Conheça as principais obras de Gaudí em Barcelona

A cidade de Barcelona, localizada no sul da Espanha, é uma das grandes metrópoles hispânicas e capital da comunidade autônoma da Catalunha. É também o segundo município mais populoso do país, com 1.6 milhão de cidadãos. Seu porto é um dos mais movimentados do continente, e o aeroporto internacional El Prat recebe cerca de 40 milhões de passageiros ao ano.

 É também o destino perfeito para quem curte história, gastronomia, praia e a vida noturna. Apesar da variedade de opções turísticas e da efervescência cultural ser enorme, o movimento da cidade gira muito em torno das obras arquitetônicas do catalão Antoni Gaudí. É inegável que elas dão cor, vida e movimento à Barcelona. Entenda porque esses são os pontos turísticos mais visitados da capital da Catalunha e porque você deve conhecê-los.

Quem foi Gaudí

Nascido em 1852 na cidade de Reus, em uma família especializada na fabricação de caldeiras, o artista cresceu ajudando o pai e o avô em sua oficina, o que lhe ajudou a ampliar suas habilidades manuais. Ainda na infância desenvolveu o interesse pela natureza, que mais tarde veio a ser o elemento prevalecente de suas obras. “A originalidade consiste em voltar à origem”, dizia Gaudí.

Em 1878 finalizou sua formação em arquitetura em Barcelona, quando já dava sinais de que não estaria interessado em repetir os padrões de estilo da época. Na verdade o gênio modernista ficou conhecido por criar algumas das obras mais excepcionais de todos os tempos, mostrando-se definitivamente à frente de seu tempo. Suas invenções mais conhecidas foram encomendados por famílias ricas catalãs.

Templo Expiatório La Sagrada Familia

 

A obra prima de Gaudí foi essa igreja localizada no coração de Barcelona. É um dos pontos turísticos obrigatórios da cidade: se fosse necessário escolher visitar apenas uma das obras de Gaudí essa seria, com certeza, a mais indicada. Iniciada em 1882, a edificação está em construção há 137 ano. Sua finalização oficial está prevista para 2026, ano em que serão celebrados os 100 anos da morte do arquiteto. É uma das igrejas mais impressionantes do mundo e, sem dúvidas, a mais diferente e menos tradicional. A Sagrada Família é tão repleta de detalhes que vale a pena pagar um pouco mais caro pelo ticket que oferece um guia, ou audioguide durante a visita.

  • Ticket Básico  17 €
  • Ticket Audioguide  25 €
  • Ticket Guided Tour  26 €
  • Ticket Audioguide + Torres  32 €

 

Parque Güell e Museu Gaudí

Localizado em um dos pontos mais altos de Barcelona, o Parque Güell tem uma das mais belas vistas de Barcelona e do Mediterrâneo. Foi construído em 1900 a pedido do empresário Eusebi Güell, que gostaria de transformar sua propriedade em uma área privada residencial para famílias catalãs abastadas.

Aqui, Gaudí deixa sua imaginação aflorar e cria espaços que se misturam naturalmente aos jardins e árvores. Declarado Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO, o Parque Güell é um dos lugares mais mágicos de Barcelona e merece uma tarde inteira de passeio. Por ali fica também o Museu Gaudí, espaço que foi um dia a casa do arquiteto.

  • Ticket Parque Güell com hora marcada  10 €
  • Ticket Parque Güell + Sagrada Família com guia  25 €
  • Ticket Museu Gaudí  5.5 €
  • Ticket Museu Gaudí + Sagrada Família com audioguide  27 €

 

Casas em Passeig de Gràcia
Duas grandes das obras de Gaudí estão localizadas em Passeig de Gràcia, uma das avenidas mais movimentadas da cidade, a apenas 3 quarteirões de distância. Então vale a pena fazer um combo e visitar ambas no mesmo dia. São elas a Casa Batlló e a Casa Milà, ou La Pedrera.

Casa Batlló

Ambas foram encomendadas por famílias ricas. A primeira, a pedido de José Batlló Casanovas. Sua fachada traz uma mistura de pedra, vidros coloridos e discos de cerâmica, e reproduz a forma de uma onda. O telhado remete a um dragão com escamas. O interior é tão impressionante quanto, com janelas coloridas, colunas e formas naturais e instigantes por todos os lados.

O espaço ganhou recentemente um interessante vídeo guia. Trata-se de um tablet que oferece uma experiência interativa com a casa. Ele simula como era o edifício quando habitado pela família Batlló, além de ilustrar as inspirações e referências de Gaudí.

Casa Milà - La Pedrera

Já La Pedrera foi encomendada pelo casal Pere Milà e Roser Segimon, que procurou Gaudí para construir um prédio onde residiram no espaço principal e alugariam o resto. A fachada feita com mais de 6 mil blocos de pedra calcária dá a impressão de movimentos curvilíneos, um desenho que rompe com os estilos arquitetônicos da época.

 Uma curiosidade é que a obra gerou discórdia entre Milà e Gaudí. Isso porque irregularidades na construção foram notificadas pela prefeitura. O arquiteto se recusou a alterar seu projeto, custando uma grana alta à família proprietária.

  • Ticket Casa Batlló Normal  25
  • Ticket Casa Batlló Estudante  22
  • Ticket La Pedrera Normal  22
  • Ticket La Pedrera Estudante  16.50

 

Não é à toa que a cidade colhe até hoje os frutos do sucesso do arquiteto genial e suas obras singulares. Ficou com vontade de conhecer as obras de Gaudí? Encontre os melhores preços de passagens aéreas e hotéis no Viagens.com.br e planeje sua viagem para Barcelona.

What's Your Reaction?

like
3
dislike
0
love
0
funny
0
angry
0
sad
0
wow
0